Revista de Ciências da Administração

Editora:
Universidade Federal de Santa Catarina
Data de publicação:
2011-03-10
ISBN:
2175-8077
Copyright:
COPYRIGHT Universidade Federal de Santa Catarina

Descrição:

A Revista de Ciências da Administração (RCA) tem como foco a divulgação da produção científica em Ciências da Administração e áreas correlatas, objetivando contribuir com a discussão e o desenvolvimento do conhecimento nestas áreas. O público-alvo é formado por pesquisadores, professores e estudantes que desenvolvem estudos e pesquisas sobre temas administrativos.

Documentos mais recentes

  • Editorial
  • Análise do comportamento sustentável e inovador na intenção empreendedora

    Este estudo teve como objetivo analisar a influência dos fami- liares empreendedores e dos constructos comportamentais sustentáveis e inovadores na intenção empreendedora dos estudantes universitários. Tratou-se de uma pesquisa quanti- tativa, desenvolvida com 285 estudantes de uma Universidade Pública. Foram adotadas as bases teóricas-metodológicas de Liñán e Chen (2009), para a intenção empreendedora e familia- res empreendedoras; Gonçalves-Dias et al. (2009), relacionada ao comportamento sustentável; e Foxall e Hackett (1992), referente ao comportamento inovador. Com base na análise fatorial, na regressão logística e nas árvores de classificação e regressão (CART), os resultados constatam: (i) há uma influên- cia dos familiares empreendedores na intenção empreende- dora dos estudantes universitários; (ii) há uma influência do comportamento sustentável na intenção empreendedora dos estudantes universitários; e (iii) há uma influência do compor- tamento inovador na intenção empreendedora dos estudantes universitários. Os resultados buscam contribuir com a literatura empírica e conceitual sobre a inovação e a sustentabilidade no contexto do empreendedorismo. Palavras-Chave: Comportamento Sustentável. Comporta- mento Inovador. Intenção Empreendedora.

  • Papel dos estilos de liderança nos vínculos do trabalhador com a organização: uma análise em instituições hospitalares públicas e privadas

    Este trabalho analisa a relação entre os vínculos dos trabalha- dores com a organização e os estilos de liderança dos gestores nas equipes de enfermagem de hospitais públicos e privados. Para alcançar o objetivo traçado, realizou-se um estudo de caso, de natureza descritiva, no qual participaram duas instituições hospitalares, uma pertencente ao setor público e a outra ao privado. Os resultados apontaram que os vínculos de compro- metimento e consentimento organizacionais se relacionam mais fortemente com o estilo de liderança transformacional, ao passo que o entrincheiramento organizacional se correlaciona apenas com a ausência de liderança. Desse modo, é possível afirmar que os vínculos que os trabalhadores desenvolvem com suas organizações estão relacionados aos estilos de lide- rança dos seus gestores, ou a ausência destes. Palavras-Chave: Comprometimento. Entrincheiramento. Consentimento. Estilos de Liderança. Enfermagem.

  • Regulamentações ambientais e competitividade: um estudo comparativo entre Brasil e França

    Este estudo objetivou verificar se existe algum tipo de associação entre o rigor das regulamentações ambientais e a competitividade dos países Brasil e França, entre 2005 e 2015, com base nos resultados dos indicadores de rigor das regulamentações ambientais (Environ- mental Policy Stringency Index, OECD) e competitividade (Global Competitiveness Index, WEF). Ademais, buscou-se analisar a evolução do rigor das regulamentações ambientais e da competitividade, e um comparativo quanto à associação entre o rigor das regulamentações ambientais e a competitividade desses países. Trata-se de uma pes- quisa quali-quantitativa, analisando descritivamente as variáveis em estudo e utilizando-se do teste estatístico correlação linear de Pearson. Os resultados demonstraram que a França apresentou um rigor maior em suas políticas ambientais que o Brasil, e demonstrou um maior grau de competitividade. Além disso, as regulamentações ambientais no Brasil estavam correlacionadas negativamente somente com três pila- res da competitividade, enquanto a França apresentou correlação com oito pilares da competitividade. O trabalho contribui com a literatura demonstrando a importância do rigor das regulamentações ambien- tais para a melhoria no desempenho da produção industrial verde que promove o desenvolvimento econômico sustentável e melhora a competitividade a longo prazo tanto em economias emergentes como em economias desenvolvidas. Palavras-Chave: Regulamentações Ambientais. Competitividade. Brasil. França.

  • Índice de Desempenho Logístico (LPI): uma análise da eficiência logística e da importância relativa dos seus indicadores

    A presente pesquisa avaliou a eficiência logística dos países, bem como criar scores que represente o peso de cada indica- dor do Índice de Desempenho Logístico (LPI) nessa eficiência. A Análise Envoltória de Dados (DEA) foi empregada na men- suração da eficiência logística e permitiu comparar os seis indicadores do LPI (inputs) de 99 países e mostrar a relação desses indicadores com o Produto Interno Bruto per capta (output). Para a criação dos scores utilizou-se da estatística multivariada com a análise discriminante para elucidar quais indicadores melhor discriminam os grupos dos países mais e menos eficientes no quesito logístico. Os resultados agruparam os níveis de eficiência logística dos países em faixa inferior, mediana e superior de eficiência, enquanto a análise discrimi- nante apresentou os indicadores LPI que mais impactam no desempenho logístico, sendo a Alfândega, a Infraestrutura e os Carregamentos Internacionais os indicadores mais signifi- cativos na busca pela eficiência logística máxima dos países. Palavras-Chave: Eficiência logística. Índice de desempenho logístico. Análise Envoltória de Dados. Análise Discriminante.

  • Os lugares de fala das mulheres acadêmicas no campo do empreendedorismo no Brasil: Um estudo entre os anos de 2005 e 2020

    O estudo tem como objetivo discutir os lugares de fala das mulheres acadêmicas que pesquisam e publicam no campo do empreendedorismo no Brasil. Para o alcance do objetivo foi utilizada uma abordagem quantitativa através de uma re- visão bibliométrica de artigos publicados por mulheres, sendo analisados por meio da estatística descritiva com apoio do software RStudio Cloud. O material empírico coletado possibi- litou a identificação de seis lugares das mulheres acadêmicas no campo, sendo eles: lugares no espaço-tempo, lugares nas publicações, lugares nos periódicos, lugares temáticos, lugares organizacionais e lugares geográficos. Os resultados demons- tram uma relação direta dos lugares de fala das mulheres pesquisadoras com as dinâmicas estruturais da sociedade, nesse estudo demonstrada pela dinâmica socioeconômica em relação à localização das instituições de ensino superior das quais essas autoras enunciam suas pesquisas. Palavras-Chave: gênero; lugares de fala; empreendedorismo; Brasil.

  • Comprometimento Organizacional: mapeamento e análise sobre escalas validadas no Brasil

    Este estudo objetivou mapear e analisar as escalas existentes na literatura nacional sobre comprometimento organizacional. A pesquisa contou com duas etapas: (i) pesquisa bibliográ- fica, na qual foram mapeadas as publicações sobre o tema, abrangendo o período de 1990 a 2020; e (ii) mapeamento e análise das escalas a nível nacional, buscando verificar aspec- tos relacionados à formulação de itens, escala de respostas e procedimento de validação. Foram analisadas 314 publicações a partir da busca nas principais bases e sites dos periódicos brasileiros e verificou-se que os anos de 2008 a 2018 foram os dez anos mais produtivos no Brasil, com 213 trabalhos. Identificou-se a predominância das medidas que se baseiam no modelo tridimensional, porém é significativa a produção de escalas que vão além desse modelo, propondo mais di- mensões em alguns casos e uma perspectiva unidimensional em outros. Como limitação, destaca-se a não comparação sistematizada de índices psicométricos entre todas as escalas propostas, devido à indisponibilidade de tais dados em alguns estudos analisados. Palavras-Chave: Comprometimento Organizacional, Escalas, Produção Científica.

  • Superando a dicotomia sujeito x coletividade nas organizações

    Nesse ensaio, o objetivo é refletir sobre a complexidade ine- rente aos espaços sócio-organizacionais buscando superar a dicotomia sujeito × coletividade para abarcar os fenômenos de modo ampliado para evitar análises organizacionais redu- cionistas. Para tanto, elencam-se autores clássicos nas Ciências Sociais para um diálogo sobre a dinâmica sócio-organizacio- nal articulando os sujeitos e suas práticas nas organizações e efeitos das inter-relações entre agentes que, por sua vez, cristalizam-se em dimensão institucional e servem, contradi- toriamente, às produções subjetivas em meio aos espaços de socialização. Consideramos crítica a perspectiva aqui adotada por se voltar ao caráter sócio-histórico do objeto de análise, assim como por considerar contradições elementares na sua expressão e processualidade cotidianas. As principais contri- buições se situam em torno da complexidade como marca das condições de produção social e subjetivas, orientando futuros trabalhos a não simplificá-las, considerando a variabilidade conceitual acerca do que se toma por organização social e suas interpretações. Palavras-Chave: Organizações sociais; Sujeito; Dialética; Estudos organizacionais.

  • Startups: uma revisão sistemática da literatura e direções para pesquisas futuras

    O objetivo da pesquisa é mapear a literatura de uma Revisão Sistemática da Literatura sobre startups e destacar algumas lacunas teóricas baseadas em publicações de periódicos científicos internacionais. Usamos a planilha Excel, além dos pacotes HistCite TM, VOSviewer, IRATUMEQ e R Studio. Os re- sultados mostram que pelo tipo de startups avaliadas, após a leitura de 68% dos artigos, as organizações se caracterizam como um grupo de empresas novas, ou seja, relativamente jovens e inexperientes quando comparadas às mais estáveis e maduras em desenvolvimento organizacional e devem pensar estrategicamente sobre como atuar e, que diz respeito a um grupo de startups dinâmicas que operam com inovações. Palavras-Chave: Startups; Revisão Sistemática da Literatura; Inovação; Empreendedorismo.

  • Uma proposta de avaliação de desempenho por funções em ambiente simulado

    A atividade de simulação tem como principal objetivo edu- cacional proporcionar aplicações de conceitos teóricos. A simulação gerencial reúne decisões transversais dos elementos organizacionais, com o intuito de obter um melhor desem- penho frente a um mercado e seus potenciais concorrentes. Os resultados dessa prática determinam uma classificação de desempenho, tendo o retorno econômico como principal base de referência. O estudo foi desenvolvido a partir de dados obtidos com o exercício de simulação ambientada presencial e remotamente (ambiente virtual). A metodologia de análise parte da catalogação e efetiva utilização de indicadores de desempenho, valendo-se ainda do grau de importância médio de cada indicador utilizado ao longo de períodos trimestrais simulados de 3 (três) anos, propondo-se um reordenamento de desempenho a partir dos indicadores selecionados, me- diante a somatória de pontos no desempenho de cada função, concluiu-se que o uso de apenas um critério (o econômico) de avaliação do desempenho demonstra-se insuficiente. Palavras-Chave: Simulação gerencial; avaliação de desempe- nho e funções gerenciais.

Documentos em destaque

VLEX uses login cookies to provide you with a better browsing experience. If you click on 'Accept' or continue browsing this site we consider that you accept our cookie policy. ACCEPT